dedo mineiro

Standard

Alguns farrapos avulsos.

Hoje é dia de limpeza para muita boa gente tal é a ferocidade com que escarafuncham nas narinas e pestanejam hipnotizadas para a ponta do dedo mineiro.

Em tom de brincadeira perguntei ao meu filho: “quando eu for novamente criança vais-me limpar o rabinho como fiz quando eras bébé?” A sua resposta em tom de choque foi acutilante: “Ah! Nem penses; que nojo!”
Inicialmente fiquei surpreso, depois assustado, posteriormente um sorriso aflorou os lábios quando uma ideia rompeu as trevas: tenho, assim, uma boa desculpa para ser assistido na segunda infância por uma amorosa (para o sensual) enfermeira.

Anúncios

deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s