lucky luke contra pinkerton

Standard

Lá comprei no quiosque habitual a edição do Público do álbum “Lucky Luke Contra Pinkerton”. Chego a casa começo a leitura e vocifero para as páginas pintadas de preto – as páginas 3 e 5 estavam completamente pintalgadas de tinta preta tornando a leitura impossível. Esclareço a mais-que-tudo para a minha desilusão e trato de obter o prazer da leitura na obra “Death Note Another Note: The Los Angeles BB Murder Cases”.

No domingo seguinte enquanto estou sentado nos sofás brancos perto da Fnac Braga a curtir um café e a folhear uma revista a mulher presenteia-me com o álbum “Lucky Luke Contra Pinkerton” editado pela Fnac. Fiquei naturalmente satisfeito mas disse-lhe que o outro ia ser devolvido e resolvia o problema das manchas pretas – “eu sei, mas assim já lês a história e ficas com este que tem uma capa diferente!”, respondeu. Contra verdades não existem argumentos (acho eu de que; tenho de googlar primeiro – ahh, a preguiça) e lá pude ler esse fim-de-semana o novo Lucy Luke.

Quanto à nova aventura? Adorei a história. É, quanto a mim, um excelente álbum de Lucky Luke em todas as medidas. Os responsáveis pela aventura estão de parabéns: Achdé (arte), Benacquista (cores) e Pennac (textos).

A editora portuguesa está multiplamente de parabéns pelas capas originais conseguidas para o mercado português.

Anúncios

deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s