joão aguiar

Standard

Do escritor João Aguiar (1943-2010) apenas li a “A Voz dos Deuses” (1984).
Com apenas 16 anos li fascinado as aventuras de Viriato.

Nesta onda li, e sempre através da biblioteca itinerante Calouste Gulbenkian, “A Casa do Pó” (1986) do escritor Fernando Campos. Acabei por comprar os livros num alfarrabista em Coimbra a preço da chuva; a satisfação dessa leitura está guardada num bom local da minha memória.

Nunca mais viajei por qualquer outra obra destes dois escritores.

Anúncios

deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s